29 de ago de 2013

Oieee...



Olááá pessoas!!!
Então, queria ter aparecido antes, mas estamos para nos mudar (eu, Maria, Davi e Pêpi) e já estou organizando tudo... Quer dizer, não tem tanta coisa assim para fazer, mas, como ando meio preguiçosa, aproveito para dar uma boa descansada em qualquer tempinho que me sobre, hehe...

Pois é minha gente, estou me permitindo diminuir o ritmo sim... Tenho aproveitado essa fase da gravidez (são 7 meses já, acreditam???) para relaxar, dormir, passear com minha cachorrinha Pêpi - aí já aproveito também para ouvir os pássaros, olhar o céu, rezar e agradecer... E tudo isso tem sido ótimo, acredito que não só para mim, mas para a nossa bebê Maria principalmente...

Continuo lendo Miss Brontë e estou bem envolvida com a história (como vocês já puderam perceber em posts anteriores) e por isso saboreio cada página com calma, sem pressa... Se bem que, tava lembrando agora, tem alguns outros livros que quero começar a ler logo, por isso acho que preciso dar uma agilizadinha... Mas, para dizer que não tenho novis, gostaria de comentar que ando assistindo a mais filmes ultimamente... Digamos que eles também estão fazendo parte desses relaxamentos que tenho me permitido, hehe... Por isso aí vão algumas dicas para o fim de semana (BOM FINDE PEOPLE):

A Vida Acontece (adorei!!!)


Para Sempre (não li Nicholas Sparks ainda, mas esse romance baseado num livro dele é bem bonito)


Tudo em Família (mostra a importância das pessoas se acertarem com o passado para poderem viver um presente mais leve)


20 de ago de 2013

Relaxar...

Olááá pessoas!!!

Então, sábado resolvi colocar em prática algumas das coisas que costumo ler (e sempre concordar) nos blogs de amigas queridas... Na verdade são dicas que vão além de palavras... São práticas fáceis que nos incentivam a relaxar, acalmar a mente, contemplar a natureza... Sim, estou falando de coisas que tornam nosso estilo de viver mais saudável e transformam momentos simples em paz e contentamento...

Explico: acredito que a felicidade está nas pequenas coisas da vida e em nossa maneira de enxergarmos o mundo, assim: parar, olhar ao redor e respirar fundo são receitas infalíveis para recarregar nossa energia e nos deixar de bem com nós mesmos...

Foi por isso que durante o passeio de sábado resolvi colocar minha cadeirinha de frente para a natureza e ficar ali parada, só observando, sentindo o sol, ouvindo o barulho dos pássaros, sendo feliz... Quando paramos, contemplamos ainda melhor e de forma mais sensível o movimento da vida (ou das vidas) ao nosso redor... PERMITAM-SE ISSO MINHA GENTE!!! Tentem achar um tempinho só de vocês, seja no caminho do trabalho ou numa caminhada depois do expediente, mas relaxem, esvaziem o pensamento... No início parece difícil, mas depois passa a fazer parte de nosso dia a dia... Uma semana abençoada a todos vocês!!!

OBS: Na foto 1 "é ieu", na 2 é paisagem que contemplei (Ponta da Barra - Laguna/SC) e na foto 3 é minha cachorrinha Pêpi em seu momento relax também, conferindo a vegetação local, hehe... (espero que gostem!!!)









16 de ago de 2013

Dúvida: ler ou assistir???

Tá bom, eu sei que essa já é uma discussão antiga e que por vezes me deparei com ela aqui no blog: ler o livro ou assistir o filme??? Então, mais uma vez venho dizer que reconheço a arte e a beleza presente em ambos, porém, sigo acreditando que a literatura nos dá mais liberdade para imaginar e viajar... Só que não podemos esquecer de que muitas vezes o filme vem fazer um casamento perfeito com a narrativa escrita, autenticando cenas que fantasiamos ou detalhando ainda melhor passagens com as quais nos deparamos durante nossa leitura... Resumindo: na dúvida façam ambas as coisas, afinal livro e cinema são formas de entretenimento (e por que não relaxamento???) maravilhosas!!!

Esse post surgiu de uma dúvida dessa pessoa que vos fala... Pois é, que eu ando "in love" com as irmãs Brontë não é segredo pra mais ninguém e foi justamente esse amor que me fez querer conhecer a história de Jane Eyre... Agora que me sinto mais próxima (e íntima) da Charlote Brontë, autora da obra, por conta do romance Miss Brontë (que ainda estou lendo), resolvi que vou compreender melhor as circunstâncias e atemporalidade de Jane Eyre... A dúvida está apenas residindo no fato de que tenho o filme salvo na Sky HD e que além de não ter o livro em mãos, tenho uma pilha de romances que só cresce a minha espera... Por isso, pergunto a vocês: vejo o filme de uma vez e deixo o livro para um amanhã mais distante??? Me ajudem!!!

Ahhh, e aproveitando a oportunidade, deixo como dica para o fim de semana o livro e o filme Jane Eyre, que tal??? Um lindo fim de semana cheio de paz e luz minha gente...

Obs: Olhem que legal a capa original do livro, com o pseudônimo usado pela Charlote Brontë: Currer Bell!!! E abaixo também tem o cartaz do filme...







13 de ago de 2013

Cenário...

Olááá meu povo!!!!

Então, hoje estou passando para postar algumas fotos das férias de julho ainda... Na verdade, elas têm tudo a ver com o último post, que tratava do livro da vez: Miss Brontë!!!

Na cidade de Nova Petrópolis, no RS (que fica a cerca de 30km de Gramado), visitamos o Parque dos Imigrantes, bem no centro da cidade... E lá, depois de uma caminhada bem agradável, repleta de uma natureza linda e colorida, encontramos uma espécie de vila-modelo mais antiga  - que me fez pensar, e muito, em Haworth, cidade das irmãs Brontë... Sim, parecia o cenário de um romance antigo mesmo... Adorei e aproveito para dividir as imagens com vocês... Como nas páginas da narrativa, tem um pequeno cemitério ao lado da igrejinha, além de algumas construções bem antiguinhas e muito verde... Uma linda semana minha gente!!!

Obs: Confira a imagem da Residência das Brontë em Haworth aqui!!!








6 de ago de 2013

O livro da vez...

Um livro para ser saboreado aos poucos e que vai ser daqueles a deixar saudades... É isso que estou sentindo a respeito de Miss Brontë, da escritora Juliet Gael... Trata-se da história, contada de forma romanceada, sobre a vida das irmãs Brontë, bem como toda a atmosfera ao redor delas enquanto escreviam seus grandes trabalhos, que ficariam marcados para sempre na história da literatura... Anne, Emily e Charlote Brontë, foram autoras de Agnes Grey, O Morro dos Ventos Uivantes e Jane Eyre - obras atemporais e que falam por si só em cada uma de suas páginas... Entre os três, infelizmente, só li O Morro dos Ventos Uivantes, mas pretendo e preciso ler Jane Eyre também, urgente...

Falando também um pouquinho sobre as Brontë, acabei lendo um romance levinho e delicioso que se chamava Conselhos Amorosos de Emily Brontë (clique no título e veja o post completo). Ele e O Morro dos Ventos Uivantes me levaram a querer saber um pouco mais a respeito dessa família - tão simples e ao mesmo tempo tão culta e importante para o universo literário... 

Não sei se já comentei com vocês (acredito que sim, porque costumo me repetir, hehe), mas a história de grandes obras, bem como os autores que estão por trás delas, me interessa muito... Foi assim com Hemingway e minha admiração pela literatura dos anos 20 e não poderia ser diferente com as irmãs Brontë... Acredito que Miss Brontë estará em um cantinho bem especial de minha experiência com a literatura - ainda mais porque retrata a Inglaterra e um tempo distante pelo qual sempre tive curiosidade e admiração... Vamos lá pessoal, se empolguem, leiam e tenham uma linda semana...







1 de ago de 2013

Clara Hutt Uma Vida de Bandeja




Oláá meu povo!!!
Pois é, sabem que eu havia me esquecido desse livro, Clara Hutt Uma Vida de Bandeja??? E a culpa é totalmente minha mesmo, já que o havia emprestado e deletado esse fato da memória... Por isso aqui vai um lembrete: anotem em algum lugar os romances que emprestarem e rabisquem também o nome da(o) amiga(o) para quem vocês fizeram o empréstimo... Todos somos esquecidos, afinal, são tantas coisas no HD interno de nossa cabeça - HD de grávida então nem se fala, se não anoto, não há Cristo que me faça lembrar das coisas...

Mas vamos lá, esse livro da India Knight é um clássico dos chick-lit, daquelas literaturas mulherzinhas bem gostosas de ler, a la Bridget Jones (que infelizmente não li, só vi o filme), Melancia, Becky Bloom e todas suas companheiras mais moderninhas... Um romance divertido, original, com pitadas de tudo: sonhos, problemas, amor, trabalho, relacionamentos - coisas da vida real, mas não menos interessantes por isso, pelo contrário... É diversão na certa!!!

Fica a dica pessoal!!!
Hummm, viram como estou mocinha com o blog??? Atualizando-o com mais freqüência??? Enquanto der tempo faço isso com todo amor do mundo, mas quando o tempo apertar e eu precisar dar uma sumidinha, não desistam de mim hein povo??? Estou grávida e ainda mais sentimental, hehehe... "Inté gentiiii"...