27 de set de 2012

Pensando em livros...



Olá minha gente!!!!

Então, finalmente, num ritmo mais lento do que eu realmente gostaria, comecei a ler A Sombra do Vento... Falo que é num ritmo mais lento do que eu gostaria porque só de passar os olhos pelo primeiro capítulo já senti que vou amar a história e minha vontade é de não parar até chegar ao seu último parágrafo... Acontece que com essa minha volta para a faculdade, conforme já contei pra vocês, as coisas ficaram meio corridas e, entre provas e trabalhos, o tempo que tem sobrado para a leitura é pequeno... Só que não posso reclamar, porque tem valido muito a pena todo esse esforço, tanto pelo fato de eu estar adorando o curso e a universidade quanto pelo fato de que um tempinho para a leitura a gente sempre tem que tentar arrumar (sim, na minha opinião isso é muito importante)... Aliás, quando aparecer qualquer horinha vaga, mergulhar numa boa narrativa e conhecer seus personagens acaba sendo a melhor forma de relaxar...

Quem me indicou A Sombra do Vento – e olha que foram pessoas de quem a opinião me é muito válida – estava coberto de razão em seus elogios... Já estou sentindo o clima emocionante e comovente dessa história, ainda mais que, para minha agradável surpresa, ela fala de algo do qual somos fãs: livros... E aí vai uma frase que expressa muito bem nosso sentimento em relação a eles:

“Estendi-me na penumbra azul da madrugada com o livro sobre o peito e escutei o som da cidade adormecida pingando sobre os telhados salpicados de púrpura. O sono e a fadiga queriam me derrubar, mas eu resistia a entregar-me. Não queria perder o encantamento da história nem dizer adeus aos seus personagens...”
(A Sombra do Vento – Carlos Ruiz Zafón)

 Acho que essas palavras descrevem de forma intensa e verdadeira o que sentimos em relação àqueles personagens que conhecemos e amamos, os quais não queremos esquecer, mas manter em nossas recordações e em nosso coração...

Coincidentemente hoje, na hora do almoço, me veio a imagem de uma cena que visualizei ao ler um livro há uns bons anos atrás - sei lá, a cena me veio assim, do nada... Na mesma hora eu pensei “cá com meus botões”: é incrível como as histórias conseguem permanecer assim vivas na nossa memória... Acho que a literatura consegue fazer isso acontecer ainda mais do que o cinema, isso porque nos livros os personagens parecem mais próximos e se tornam mais conhecidos da gente também (eu pelo menos sinto isso, vocês não???), o que leva a uma emoção ainda mais intensa e permanente... Não que o cinema não seja emocionante, cativante e maravilhoso também... Eu amo cinema, mas, em se tratando de livros, todos vocês sabem que sou suspeita para falar né???

UM FIM DE SEMANA MARAVILHOSO MEU POVO!!!
Desejo um livrinho ou um cineminha bem legal a todos vocês!!!

24 de set de 2012

...

Para começarmos a semana com força total, vamos lá meu povo:

"Eu sei que todos os dias quando eu acordo, DEUS dá um sorriso e me diz: Estou te dando a chance de tentar de novo..." (Caio Fernando Abreu)
 
 

20 de set de 2012

Livros de Aniversário...

Como já mencionei aqui no blog, meu aniversário de 33 anos foi na semana passada... Pois é, e qual a melhor ocasião para se ganhar livros que não essa??? Ahhh, tem o natal também, concordo, mas a chance de um número maior de livros reunidos é agora – para noooooossa alegria!!!! Obrigada Lidi, Rê e Tia Rita!!! Pois bem, lá vai a lista dos meus novos queridinhos então, inspirem-se:
 
AEstrela Mais Brilhante do CéuMarian Keyes: minha gente, quem acompanha o blog sabe o quanto amo essa autora e sabe também que já faz um bom tempo que eu andava querendo esse livro, finalmente, eeeeeeeee...
 
 
A Primeira Luz da Manhã – Thrity Umrigar: esse livro conta a história da própria Thrity, uma escritora indiana maravilhosa que nos contemplou com obras comoventes e profundas... Já falei de algumas delas aqui no blog (clique no nome da autora)...
 
 
Conselhos Amorosos de Emily Brontë – Anne Donovan: esse aqui dispensa explicações, já que escrevi um post sobre ele não faz muito tempo e foi justamente nesse post que a Tia Rita pegou a dica, hehe... 
 
Bom fim de semana minha gente!!!!!

18 de set de 2012

Muitos muitos livros...


Olááá minha gente... Boooom início de semana...
 
Então, não anunciei aqui no blog oficialmente – embora muita gente já saiba – mas voltei para a vida acadêmica e comecei uma nova faculdade... Sim, sou estudante de novo - além de esposa, dona de casa, trabalhadora, leitora assídua e blogueira, mas a gente consegue, hehe... E o que posso dizer é que estou AMANDO!!! Estudar, adquirir conhecimento e aprender coisas novas sempre foram coisas que gostei, mas agora, com o passar dos anos, parece que tudo está ainda melhor... Voltei disposta a abrir minha cabeça para aprender, aprender, aprender e, o mais importante, estudar com dedicação total... Pois é isso que tenho tentado fazer e o resultado tem sido uma sede de saber ainda maior...
E agora, um dos muitos benefícios que veio com tudo isso: ter acesso a centenas de romances da biblioteca da universidade, acreditam???? Podem acreditar pois, qual não foi minha surpresa, quando depois de ter visto uma estantezinha com alguns livros num cantinho, resolvi buscar nomes de mais outros exemplares??? Para minha total felicidade, constatei que a Unisul (onde estudo) é muito bem atualizada na aquisição de seus romances... Só de começo por exemplo, vou finalmente poder ler algo do Carlos Ruiz Zafón, que muita gente já me indicou, mas eu ainda não tinha tido o prazer de ler – vejam bem: ainda, pois já estou com o exemplar de A Sombra do Vento em mãos, eeeeeeeeeeeeee... Ahhhhh... E o romance Marina também – só que esse vou deixar para depois porque quero ler O Jogo do Anjo antes...
 
 
Quem quiser dicas de livros que possam ter na biblioteca da Unisul - Tubarão é só perguntar aqui certo???? E fica a dica gente: para quem ainda está na faculdade ou tem filhos, sobrinhos, netos e amigos, a biblioteca das universidades pode ser uma excelente fonte de livros...
“Inté” mais pessoal...
 
Essa não é a biblioteca da Unisul, mas que é um sonho é né???
 
 

13 de set de 2012

Eeeeeeeee...

Oláááá meu povo!!! Tudo certo com vocês???? Então, essa semana andei sumida, mas hoje cá estou, hehe... É que ando beeeemm na correria, só que quando não venho escrever, sinto muuuuita falta...

Pois então, hoje estou aqui para AGRADECER...
Agradecer a todas as visitas, a todos os comentários, a todas as pessoas maravilhosas que conheci através deste espaço que é tão especial pra mim... O Ler e Amar foi algo que veio para me trazer ainda mais alegria, inspiração, realização e vontade de ler... É um lugar onde posso dividir com vocês não só os livros que conheci e amei e se tornaram companheiros indispensáveis, mas também para dividir as coisas nas quais acredito, as que considero fundamentais nessa vida, minha maneira de ver o mundo e meu papel nele...

Estou dizendo todas essas coisas porque hoje é um dia muito importante pra mim... Quer dizer, há exatos 33 anos (vai ser bem exato às 13:45hs, hehe) eu nasci... Sim, há 33 anos Deus me deu este presente maravilhoso: a VIDA... Por isso, acredito que hoje é um dia não só para CELEBRAR com muita luz e alegria, mas também para agradecer a todos que tornam minha vida tão mais colorida, leve e feliz... Agradecer a todos que dividem sua amizade com tanto carinho e gentileza... Agradecer a todas as pessoas que continuam, todos os dias, me ensinando algo...

Nesses 33 anos aprendi que o AMOR é o melhor alimento para o coração, entendi que a PAZ interior é o melhor remédio pra tudo e que a FÉ - ahhh a fé!!! - essa é a melhor graça que existe e nossa alma agradece... O amor, a paz e a fé são os três ingredientes essenciais para uma felicidade plena... Por isso minha gente, que é exatamente tudo isso que desejo a vocês também...

Muito muito muito obrigada por tudo... Em especial um muito obrigada a Deus, Esse Pai que tanto nos ama e tanto nos abençoa... Obrigada ao Davi, amor da minha vida, que me faz querer ser um ser humano melhor a cada dia e que veio me mostrar que além de o amor existir, ele é exatamente como sonhamos... Obrigada ao meu paizão, que me ensinou a olhar para o próximo com sensibilidade e a lutar pelas coisas que acredito e por meus sonhos... Obrigada a toda a minha família e amigos, pessoas que sabem o quanto são importantes para mim porque não me canso de dizer e sou de falar o que sinto mesmo, hehe – minha mãe me ensinou isso e ela continuará para sempre comigo,dentro do meu coração...

Um fim de semana maravilhoso meu povo!!!

 

7 de set de 2012

 
 
 
 
Olááá minha gente!!!
Estou passando para desejar um ótimo feriado e um fim de semana maravilhoso a todos vocês... Que todos os momentos de seus dias sejam feitos de harmonia e gentileza... Que todos os pensamentos sejam cheios de esperança e amor... Que todas as atitudes reflitam somente a paz e a generosidade de seus corações... Aproveito também para deixar um lindo e delicado poema da Clarice Lispector... Até mais meu povo!!!
 
 
Sonhe com aquilo que você quer ser,
porque você possui apenas uma vida
e nela só se tem uma chance
de fazer aquilo que quer.
 
Tenha felicidade bastante para fazê-la doce.
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana.
E esperança suficiente para fazê-la feliz.
 
As pessoas mais felizes não têm as melhores coisas.
Elas sabem fazer o melhor das oportunidades
que aparecem em seus caminhos.
 
A felicidade aparece para aqueles que choram
para aqueles que se machucam
para aqueles que buscam e tentam sempre
e para aqueles que reconhecem
a importância das pessoas que passaram por suas vidas...
 
 
 
 

 
 

4 de set de 2012

E por falar em Emily Brontë...


No último post, na semana passada, falei sobre o clássico romance O Morro dos Ventos Uivantes... Pois é, dando um daqueles meus amados passeios por uma livraria, olhando capas e lendo sinopses, acabei encontrando um livro com o seguinte título: Conselhos Amorosos de Emily Brontë... E é claro que, na hora, tanto o título quanta minha curiosidade em saber sobre do que se tratava a história, me levaram imediatamente a ler a sinopse - e não foi surpresa nenhuma o fato de eu ter gostado do que estava escrito nela... Essa obra, da autora Anne Donovan, me pareceu um prato cheio para os amantes de um bom romance... Ela até já está lá na minha listinha de “novas futuras aquisições” já que meu aniversário é nesse mês, eeeee... Confiram a sinopse e anotem a dica, hehe... Boa semana pessoal!!!




Sinopse: Fiona tem como modelo para a vida a escritora Emily Brontë, que a emociona desde que era criança. Tão profunda e reflexiva quanto a sua ídola, Fiona conta a sua passagem da infância para a vida adulta como uma garota de família simples em Glasgow, na Escócia. Entre suas irmãs gêmeas irritantes, seus primeiros casos amorosos, a morte de sua mãe, e uma série de acontecimentos que poderiam se passar com todos nós, Fiona, uma sobrevivente nata, encontra na vida de Emily e da família Brontë a inspiração para se tornar uma grande mulher.