7 de nov de 2011


Olá minha gente... Um início de semana maravilhoso pra todos vocês!!!
Bom, vou começar a semana falando de três assuntos:
- Em primeiro, gostaria de comunicá-los que terminei de ler O Tempo Entre Costuras e falarei sobre ele num próximo post. O texto sobre o livro até já está pronto (escrito no momento de inspiração que surge nas últimas páginas) mas, por tratar-se de um romance bem especial, decidi fazer um certo suspense e dedicar um dia da semana só a ele. Aguardem e confiram!!!


- Em segundo, quero informar que, finalmente, comprei o livro Kafka e a Boneca Viajante. Para minha surpresa trata-se de uma literatura infanto-juvenil que, aliás, ganhou o Prêmio Nacional da Espanha nessa categoria em 2007. Estou curiosa, mas acho que ele ainda vai esperar um pouquinho para ser lido... Falando nisso meu povo, ando meio indecisa sobre o que ler e em que ordem... Felizmente tenho mais de uma opção e, assim que decidir, venho contar aqui certo???


- Em terceiro e último lugar gostaria de falar sobre um filme que assisti no cinema ontem: O Palhaço.
Estava curiosa para conhecer a história e já tinha lido algumas críticas muito boas sobre o filme. Gosto muito dos trabalhos do ator Selton Mello e esse é o segundo filme que ele dirige – o primeiro foi Feliz Natal (em 2008). O Palhaço traz Selton Mello também no elenco principal, ao lado de Paulo José.
Esta obra cinematográfica conta a história de Benjamim (Selton Mello) e Valdemar (Paulo José) que formam a fabulosa dupla de palhaços Pangaré e Puro Sangue. Benjamim é um palhaço sem identidade, CPF e comprovante de renda (seu único documento é sua velha certidão de nascimento). Ele vive pelas estradas na companhia da divertida trupe do Circo Esperança. Mas Benjamim acha que perdeu a graça e parte em uma aventura atrás de um sonho...
Um drama/comédia bem singelo, leve e emocionante, que vem, mais uma vez, confirmar o quanto o cinema brasileiro desenvolveu sua identidade, apresentando excelentes trabalhos que têm a cara e o carisma dos brasileiros, mostrando a diversidade e riqueza de nossa própria cultura. Eu, pelo menos, AMO o nosso querido Cinema Nacional.


Mais um pontito para finalizar:
·         Pra quem já sabe, ou não (hehe), estou participando do Desafio 15 minutos de Bem Estar, do blog da Jú. E, nesse fim de semana, meus 15 Minutos de Bem Estar consistiram em ir ao cinema com meu maridão. Porém, acredito que, nos fins de semana, esses 15 minutos, dependendo da escolha de cada um, podem se estender mais, não??? Afinal, pra quem não tem tempo durante a semana, o sábado e o domingo podem proporcionar mais tempo para vários programas legais: café, cinema, DVD em casa mesmo, praia, pizza, caminhada, oração, leituras e comilança... Que tal??? Vamos tentar no próximo???








3 comentários:

  1. Oi, Aliny.
    Isso mesmo, vc já está participando da promoção!
    Que bom que vc tb recicla o seu lixo, se todo mundo fizer sua parte fica mais fácil ajudar a natureza a se regenerar!
    Fique a vontade e volte ao blog sempre que quiser!
    Tb ando sempre por aqui,....no seu ;)

    ResponderExcluir
  2. Minha vida na horizontal é comédia pura....rsrsr
    A autora é famosa nos EUA por fazer comédia no estilo stand up.
    E nesse livro ela conta as aventuras sexuais dela até começar a carreira de comediante.
    Não dá pra saber se os episódios que ele conta são verdadeiros ou se fazem parte do show dela, mas de qualquer forma vale a pena ler. Eu dei boas gargalhadas lendo.
    Um dica? Comprei baratinho num sebo virtual ;)

    ResponderExcluir
  3. Aliny, a Nina não é minha, mas eu tenho dois amigões lindos. Dá uma olhadinha no blog que tem foto deles. Aliás no primeiro post do desafio 15minutos todo dia tem uma foto dos dois brincando.
    Coloca uma foto da Pêpi pra gente conhecer ;)

    ResponderExcluir