12 de ago de 2011

Menina de Vinte

 Bom, como eu já disse aqui, depois de ler um livro mais denso (desses cheios de fortes emoções), gosto de partir para algo mais açucarado e mais romântico. Vou seguir essa mesma lógica aqui no blog. E, embora eu ainda não tenha decidido o que ler depois de À Margem de Alice, resolvi que minha dica para o fim de semana vai ser uma obra mais leve e divertida: Menina de Vinte.
Antes de falar da narrativa em si, só quero ressaltar que a escritora desse romance é a simplesmente maravilhosa Sophie Kinsella, a quem dedicarei um texto aqui no blog também, só que mais pra frente certo???
Menina de Vinte é um romance muito legal, que conta a história de Lara Lington, uma menina de vinte e poucos anos que, além de estar enfrentando uns probleminhas no trabalho (sua amiga e sócia viajou para viver um novo caso de amor e deixou a empresa na sua mão inexperiente), está tendo de lidar com o fim de um relacionamento com o par que ela considerava perfeito, Josh.
Como desgraça pouca é bobagem (já dizia o ditado), Lara, durante um funeral da família, começa a ouvir uma menina da sua idade berrando com ela por causa de um colar... O pequeno detalhe é que, essa menina berrando é sua tia-avó Sadie, justamente a pessoa que está sendo velada nesse funeral e que só Lara consegue enxergar.
Será então que nossa personagem está de repente vendo fantasmas??? Sim, e uma fantasma muito real, que entra em sua vida fazendo exigências e causando muita confusão.
De repente, Lara se vê numa busca frenética pelo colar de Sadie, peça fundamental para que essa sua querida tia possa descansar em paz. E, nessa busca cheia de pérolas plumas e roupas de melindrosa, vamos encontrar, ao som de muito Charleston (gênero musical da década de vinte), muitas surpresas, diversão e romance... Simplesmente fantástico!!! Acho que vocês vão adorar dar umas risadas!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário